25
jan 19

Guarde o nome desta startup: Yellow

Guarde o nome desta startup: Yellow

Em janeiro de 2018, Ariel Lambrecht e Renato Freitas deixaram de ser os donos da 99 ao venderem a já gigante empresa de transporte urbano para a chinesa Didi Chuxing. Em outubro do mesmo ano, os empreendedores (juntamente com Eduardo Musa) comemoram o maior financiamento Série A de uma startup latino-americana à frente da Yellow, serviço de compartilhamento de bicicletas e scooters disponível na cidade de São Paulo.

O investimento

US$ 63 milhões foram arrecadados em poucos meses por Lambrecht, Freitas e Musa, a maioria vindos de empresas norte-americanas de tecnologia. A maior investidora foi a GGV Capital, empresa do Vale do Silício que já apoiou companhias como AirBnb, Xiaomi, Hellobike e Slack, entre outras.

O valor está possibilitando aos empresários a expansão do serviço para países como México, Colômbia, Chile e Argentina; viabilizando a inclusão de e-bikes ao seu portfólio – bicicletas elétricas; e também será investido em uma fábrica de scooters no Brasil, visto que a empresa não quer depender de fornecedores chineses (as bicicletas já são adquiridas localmente).

Cenário positivo para startups

O investimento foi o primeiro da GGV Capital feito a uma empresa brasileira, o que indica que os investidores estrangeiros estão atentos ao que acontece no Brasil. Hans Tung, sócio-gerente da GGV, disse ao TechCrunch acreditar que há uma nova economia emergente na América Latina, que será cada vez mais eficiente com a presença da tecnologia.

Ficou com vontade de tirar aquela ideia do papel e construir o seu serviço ou produto digital? Baixe o nosso e-book e entenda como funciona o serviço de Concepção que oferecemos aqui na SoftDesign.

O momento não poderia ser mais propício.

E-book Concepção!

Fontes: TechCrunch, Yellow

Micaela L. Rossetti
Micaela L. Rossetti

Coordenadora de Marketing da SoftDesign, é formada em Jornalismo (UCS) e mestre em Comunicação Social (PUCRS). Especialista em comunicação e marketing digital, é aluna do MBA em Gestão de Projetos da PUCRS.

Deixe uma resposta