23
out 18

Livros no Morro da Cruz

Livros no Morro da Cruz

Doe livros e escreva uma página bonita na história de uma criança. Esse foi o lema da nossa campanha interna de Dia das Crianças 2018, que teve como objetivo recolher livros infantis para doar à Biblioteca Comunitária Ilê Ará, localizada no Morro da Cruz. A ação faz parte do nosso programa de auxílio à comunidade, que teve início em março deste ano com a doação de computadores, mesas e cadeiras para associações e escolas da região.

Um universo de possibilidades

A Biblioteca Comunitária Ilê Ará (do dialeto Iorubá, Casa do Povo) é mantida pela Rede de Ação Social Murialdo, e recebe crianças no turno inverso ao da escola. Integrante do projeto Redes de Leitura, o espaço foi fundado em 2006 e proporciona aos moradores da comunidade, além do contato com os livros, vivência com escritores e atividades de leitura.

Por ser local de desenvolvimento social e de acesso ao universo da literatura, decidimos doar os livros recolhidos para a Biblioteca com o intuito de maximizar o seu alcance, contribuindo assim com a evolução das crianças que ocupam o espaço. Nosso intuito foi de incentivá-las na busca por aprendizado e conhecimento, pois acreditamos que, por meio da leitura, os pequenos podem fortalecer seu raciocínio, sua interpretação, e ampliar suas capacidades compreensivas e empáticas.

Entre olhares e sorrisos

Em três semanas de campanha, arrecadamos mais de sessenta livros que foram entregues no dia 10 de outubro, por quatro colaboradores da Empresa. Ao chegarmos lá, encontramos uma Biblioteca cheia de crianças a nossa espera e experienciamos uma tarde emocionante de leitura e afeto.

 

“Chegar com os livros na Biblioteca e ver os olhos das crianças foi incrível, a forma como fomos recebidos foi muito calorosa e as crianças ficaram tontas com tantos livros. Doamos nossa atenção lendo, mostrando os livros e também pude desenhar com um dos meninos. Além disso, fomos visitar a Escola Municipal de Ensino Fundamental do Murialdo, que cuida de mais de oitenta crianças da comunidade e, mais uma vez, fomos recebidos com muitos sorrisos e abraços por uma turma de crianças de três anos…  Nunca recebi tantos pequenos abraços em um dia só”.

Ronaldo Hoch, desenvolvedor

 

“A visita ao Morro da Cruz me colocou diante de um paradoxo. Abrir-se com muita sinceridade àquele momento me fez sentir gigante como ser humano, mas por outro lado eu também me senti completamente impotente e insignificante como indivíduo diante da conjuntura da nossa sociedade. Foi doído e apertado encarar tão de perto a realidade de uma parcela significativa das nossas crianças, observar as suas dificuldades e ausências, compreender suas pequenas grandes vitórias do dia. Mas o que também ficou claro foi a importância de elementos relativamente simples e que podem ser doados por qualquer um de nós: a atenção, o afeto e o carinho que, por mais breves e sutis que tenham sido, abriram sorrisos gigantescos e deixaram aqueles olhinhos tão brilhantes”.

Natália Franciele de Oliveira, designer

 

“É incrível como sentar com essas crianças, ajudá-las a ler um livro, entender a história e imaginar os personagens, pode ser transformador. Uma das meninas, que tinha oito anos, ao terminar de ler comigo a história da Bela e a Fera, exclamou que ninguém nunca tinha lido um livro com ela, e que ela achava que não gostava de ler, mas agora havia descoberto que na verdade gostava! São crianças carentes de atenção, de afeto, que precisam ser cuidadas. Mais do que doar livros, ações como essa nos permitem doar o nosso tempo para que possamos, quem sabe, transformar algumas realidades”.

Micaela Lüdke Rossetti, Coordenadora de Marketing

 

“Ter estado com as crianças na Biblioteca e na Escola me fez perceber que só o fato de estarmos lá, lermos uma história, sentarmos com elas e darmos alguma atenção, já é algo extremamente acolhedor e transformador, pois no dia a dia de ausências e dificuldades, um olhar de cuidado e uma fala com carinho é algo altamente fraternal e incomum para a realidade destas crianças. Nota-se também que a leitura, os livros e os personagens, já identificados pelos pequenos, os projetam para mundos imaginários diferentes da realidade tão dura do dia a dia que vivenciam. Proporcionar e participar de momentos como esse é inspirador e de muito aprendizado, até mais para nós do que para eles”.

Rafael Paludo, Diretor Comercial

Doação de Livros: Morro da Cruz Doação de Livros: Morro da Cruz Doação de Livros: Morro da Cruz Doação de Livros: Morro da Cruz

 

Micaela L. Rossetti
Micaela L. Rossetti

Coordenadora de Marketing da SoftDesign, é formada em Jornalismo (UCS) e mestre em Comunicação Social (PUCRS). Especialista em comunicação e marketing digital, é aluna do MBA em Gestão de Projetos da PUCRS.

Deixe uma resposta